IMI com desconto: como funciona para famílias com filhos?

IMI

As famílias numerosas têm vantagens, nomeadamente, no IMI.

 

Muitos portugueses já pagaram o valor anual referente ao Imposto Municipal Sobre Imóveis (IMI) – ou pelo menos a primeira prestação – que tem como prazo o final do mês abril, inalterado desde 2013, data a partir da qual os contribuintes puderam começar a pagar o imposto até três prestações no máximo:

 

  • Se o valor a pagar for menor ou igual a 250 euros, o pagamento tem de ser feito numa única prestação, durante o mês de abril.
  • Caso o valor do IMI esteja entre 250 e 500 euros, podem ser pagas duas prestações em abril e novembro, respetivamente.
  • Por fim, se o imposto for superior a 500 euros, o pagamento pode ser efetuado durante os meses de abril, julho e novembro.

 

Este ano, quando soube qual o valor a pagar neste imposto que pesa sobre a sua habitação, provavelmente verificou diferenças comparativamente ao ano passado. Se está a acenar positivamente, é porque o seu município de residência pertence a uma das autarquias que aderiram ao desconto no IMI para famílias com filhos. Mas no que consiste este desconto?

O que é o IMI familiar?

Com o objetivo primordial de ser uma medida de incentivo à natalidade (cuja taxa é cada vez mais baixa), o IMI familiar, como ficou conhecido, estipula que, quantos mais filhos o agregado familiar tiver, maior o desconto no valor a pagar pelo imposto. Por exemplo, uma família com quatro filhos pode ter tido já este ano 20% de desconto no montante anual a pagar.

 

Portanto, já sabe: caso a sua família seja considerada numerosa tem direito a um desconto no IMI. É um custo que pode abater, pelo que deve sempre manter-se informado sobre esta questão. As autarquias que aprovaram o desconto podem ser conhecidas no website da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas e, para saber mais detalhes sobre como funciona o desconto no IMI para famílias numerosas, esteja atento às nossas publicações.